A cobra e o serrote

Uma cobra entrou numa carpintaria.
Enquanto rastejava-se para os seus cantos, ela passou por cima de um serrote e feriu-se um pouco.
No momento, ela virou-se e mordeu o serrote, e mordendo o serrote, feriu-se gravemente na boca.
Então, não compreendendo o que lhe estava a acontecer e pensando que o serrote a atacava, ela decidiu enrolar-se à volta do serrote para sufocá-lo com todo o seu corpo, apertando-o com todas as suas forças, é assim que, infelizmente, a cobra acaba por ser morta pelo serrote.


Moral da história: Às vezes reagimos na raiva, pensando magoar aqueles que nos fizeram mal, mas depois percebemos que estamos ferindo a nós mesmos. Na vida, as vezes é melhor ignorar situações, pessoas e ofensas.
Às vezes é melhor não reagir para não sofrer consequências que podem ser, por vezes, irreversíveis e catastróficas.

Imagem de Michael Kleinsasser por Pixabay

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.